23 de jan de 2016

Uma Pintura Reveladora

                                                                                                                   por Jonas Taucci 

Pesquisadores bíblicos nos informam que João – o discípulo que Jesus amava – nasceu em Betsaida e viveu aproximadamente entre os anos 06 e 103 D.C. Deixou-nos três Epístolas, o livro do Apocalipse e seu maravilhoso Evangelho, muito relacionado com o aspirante rosacruz, onde praticamente todos os Centros Rosacruzes espalhados pelo mundo o têm aberto em seu primeiro capítulo (“No princípio era o Verbo...”).

Na Galeria Nacional da Escócia, encontra-se o famoso quadro (acima) “Alegoria do Velho e Novo Testamento, do pintor Hans Holbein (Alemanha 1497 – Inglaterra 1543).

Esta pintura (49 por 60 cm) à óleo, é uma interpretação de Holbein de outra citação do Evangelho de João (01:17);
Porque a lei foi dada por Moisés; a graça e a verdade vieram por Jesus Cristo.
Esta frase – curta – encerra milhares de anos de evolução da onda de vida dos Espíritos Virginais (nossa humanidade), e os Ensinamentos Rosacruzes nos fornecem informações sobre o estágio passado, a atual condição e o desenvolvimento futuro da humanidade.

Transportando a tabela abaixo, exatamente sobre a obra de Holbein, temos um painel magnífico e revelador à luz dos Ensinamentos Rosacruzes.

METADE LADO
ESQUERDO DA PINTURA
METADE LADO
DIREITO DA PINTURA

Velho Testamento

Jeová

Religiões de Raça

Novo Testamento

Cristo

O Amor Uraniano
Acompanhemos - agora na tabela abaixo - uma interessantíssima relação que diz respeito à nossa jornada evolutiva; façamos uma intersecção de certos pontos à metade esquerda da pintura, com os mesmos pontos, à metade direita, de cima para baixo.

Assim:
LADO ESQUERDO
LADO DIREITO

Moisés recebe as Leis de Jeová

Maria, mãe de Jesus, banhada pela Luz

Serpente erguida no deserto por Moisés. Números Cap.21

Cristo crucificado. A sua jornada anual à Terra

Adão e Eva: A Queda

Cristo e os discípulos. O evangelho do amor

Esqueleto encerrado numa tumba. A morte

Cristo sobre o esqueleto. A morte não existe

Isaías profetiza: ”A virgem conceberá um filho” (07:14)

João Batista diz; “Aquele que tira os pecados do mundo”

Parte da árvore desnuda, sem folhas. A Lei.

Parte da árvore com folhas tenras. O Amor Crístico.


Ao centro abaixo vemos:
 Um homem (humanidade) sentado numa pedra (imerso no mundo físico), debaixo de uma árvore (Corpo Vital, repetição; a nota chave deste corpo, o esforço no reto agir). O homem está com a face voltada ao Novo Testamento, o Cristianismo.

Max Heindel, em “Mistério das Grandes Óperas, capítulo III, nos fala de três expressões das artes que procuram expressar o bom, o verdadeiro e o belo; a escultura, PINTURA e a música. 

Sugestões de leitura:
Conceito Rosacruz do Cosmos: online (veja aqui)  -   impresso (veja aqui)
Rays from the Rose Cross, revista de nossa Sede Mundial (Oceanside), - volume 95 número 02 - de março/abril de 2003, seção Luz Mística, onde há informações mais detalhadas sobre este artigo e a famosa pintura. (veja aqui)

Um comentário: