30 de jun de 2012

O Reino dos Céus


A profecia a que Cristo se refere no capítulo 11 de Mateus é dada em Malaquias 3:1 : “Eis que eu envio o meu mensageiro, que preparará o caminho diante de mim; e de repente virá ao seu templo o Senhor, a quem vós buscais; e o mensageiro da aliança, a quem vós desejais, eis que ele vem, diz o SENHOR dos Exércitos”.

O “Reino dos Céus” do qual Cristo Jesus falou, obviamente se refere ao novo reino que Ele estava inaugurando, um reino de ideais mais elevados do que o imediatamente precedente. Acerca deste reino novo, Max Heindel escreveu no capítulo IX de sua obra Maçonaria e Catolicismo: “Cristo, em Mateus 11:12, disse que ... desde os dias de João o Batista até agora, se faz violência ao reino dos céus, e pela força se apoderam dele. Esta não é uma tradução correta. Esta deveria ser: O reino do céu foi invadido (do grego biaxetai), e os invasores se apoderaram dele. Homens e mulheres já aprenderam, através de uma vida santa e útil, a deixar de lado o corpo de carne e sangue, de forma intermitente ou permanente, e a andar pelos céus com pés alados, concentrando-se sobre os serviços de seu Senhor, vestidos no traje nupcial etérico da nova dispensação.

“Esta mudança pode ser realizada através de uma vida de simples ajuda e prece, como é praticada pelos Cristãos devotos, não importando a que igreja estejam filiados ou se seguem o caminho dos Filhos de Seth. Outros conseguiram isso, seguindo os exercícios específicos dados pelos Rosacruzes”.

No entanto, os exercícios acima mencionados mostrarão resultados estéreis a menos que acompanhados por atos constantes de amor, porque o amor será a nota-chave da idade vindoura como a lei é da ordem presente.

Outro ensino foi ainda clarificado neste momento para aquele “que tem ouvidos para ouvir”: o do renascimento. Esta doutrina ensina que os seres humanos, Espíritos diferenciados em Deus, nascem repetidamente melhorando seus corpos gradualmente para aprender as lições em a ensinadas na grande Escola Divina da Vida. Desde que o homem teve que aprender a conquistar o mundo material, a doutrina do renascimento foi ensinada de uma maneira velada, até que a massa da humanidade estivesse pronta para isto. Este tempo chegou, e o ensino do renascimento agora está sendo aceito por um número cada vez maior de pessoas do Mundo Ocidental ( os orientais nunca descartaram este ensino). Além da aformação clar de Cristo Jesus: “Este é Elias (Elijah), que tinha que vir”, ainda há outras. Em Mateus 17:12 está a afirmação: “Mas digo-vos que Elias já veio, e não o conheceram”. Então no capítulo 16 de Mateus Cristo pergunta a Seus discípulos: “Quem dizeis que Eu, o Filho do Homem, sou?”. A resposta veio: ”Alguns dizem que tu és João Batista;alguns Elias e outros, Jeremias, ou um dos profetas”. Obviamente, os que fizeram tais afirmações acreditavam na doutrina do renascimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário